top of page
  • Foto do escritorsitefederacao

Diretoria da Federação Paranaense de Judô realiza a primeira reunião virtual

Luiz Hisashi Iwashita, presidente da FPrJ


Primeiro encontro online da temporada contou com a participação de 16 membros da diretoria paranaense

Judô Paranaense 11 de junho de 2020 Por ISABELA LEMOS I Fotos FPrJ Curitiba – PR

Seguindo a tendência mundial adotada pelas federações estaduais de judô do Brasil, a diretoria da Federação Paranaense de Judô (FPrJ) realizou neste sábado (6) sua primeira reunião em ambiente virtual, utilizando o aplicativo Google Meet. Segundo o presidente Luiz Hisashi Iwashita, a experiência foi considerada um sucesso.

“O encontro obteve êxito total porque pudemos reunir a diretoria novamente, discutir como lidaremos com os eventos daqui para frente e sugerir opções para o ensino a distância. Sugeri que as delegacias regionais realizem reuniões online com suas áreas para a troca de ideias entre os professores. Em breve, agendaremos nova reunião para definir as ações futuras”, afirmou o presidente.

Helder Faggion, vice-presidente da FPrJ


Segundo Iwashita, a reunião teve como objetivo principal abordar a situação atual do judô frente às restrições causadas pela pandemia da covid-19. Além disso, discutiram-se ações para manter as atividades da FPrJ e traçar novas estratégias relacionadas aos eventos de 2020.

Foram propostos cursos online, na modalidade de ensino a distância (EAD) para nage-waza, katas e arbitragem, com o intuito de gerar pontuação para ranqueamento de dans.

Carlos André Kussumoto, coordenador de eventos da FPrJ


Para o coordenador de eventos Carlos André Kussumoto, o destaque do encontro ficou por conta da criação de uma comissão estadual de crise, liderada pelo professor Vítor Moreira, que irá propor um plano de contingência a ser apresentado à Confederação Brasileira de Judô (CBJ) e aos demais interessados.

“O encontro foi excelente, sendo essa uma importante iniciativa da FPrJ em meio à pandemia. Principalmente para discutirmos planos que deveremos colocar em prática nos próximos meses. O ponto mais importante foi a discussão da criação de uma plataforma EAD, na qual a federação buscará ministrar os cursos para exame de faixa preta e graduação. Além disso, discutimos a criação da comissão estadual de crise, que vai debater vários assuntos em prol do judô paranaense”, revelou Kussumoto.

Vítor Moreira, 2º vice-presidente da FPrJ


Ao todo, 16 membros da diretoria da Federação Paranaense de Judô participaram da primeira reunião virtual: Luiz Hisashi Iwashita, presidente; Helder Faggion, vice-presidente e delegado da Região Norte; Vítor Moreira, 2º vice-presidente; Reinaldo Francisco, tesoureiro e delegado regional Centro-Sul; Walter Babata, delegado da Região Noroeste; Washington Donomai, delegado da Região Oeste; Francisco de Souza, coordenador estadual de arbitragem; Edilson Hobold, coordenador estadual de educação; Carlos Kussumoto, coordenador de eventos; Gustavo Batista, coordenador de marketing; Rivaldo Filho, coordenador da delegacia da Região Sul; Rodrigo Tonietto, coordenador técnico; Lucas Zevirikoski, coordenador de estratégia; Marcos Paulo de Castro, departamento jurídico; José Luiz Lemanczuk, vice-coordenador de nage-waza; e Leonardo Fraga, coordenador de veteranos.

Francisco de Souza, coordenador estadual de arbitragem da FPrJ


José Luiz Lemanczuk, vice-coordenador de nage-waza da FPrJ


3 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page