top of page
  • Foto do escritorsitefederacao

Judoca paranaense Braian Cruz é aprovado no Projeto Futuro de São Paulo

O peso ligeiro Braian Cruz joga o peso pesado Aurélio Miguel no Workshop realizado em novembro de 2019 em Curitiba


Começaram segunda-feira (27) os treinos no Centro de Excelência do governo do Estado de São Paulo

Judô Paranaense 31 de janeiro de 2020 Por ISABELA LEMOS I Fotos ISABELA LEMOS Curitiba – PR

Segunda-feira (27), o atleta paranaense Braian Alves da Cruz iniciou treinamento no renomado Projeto Futuro, no Centro de Excelência Esportiva mantido pelo governo do Estado de São Paulo e administrado pela Secretaria de Esportes, Lazer e da Juventude, em parceria com a Federação Paulista de Judô (FPJudô), cujo objetivo é dar oportunidade aos atletas que visam ao alto rendimento.

Nesta temporada, 17 atletas foram aprovados para ingressar no projeto, que em 2020 oferecerá treinamento de judô, alimentação, moradia e estudo a 50 jovens com idades de 15 a 21 anos. São 34 rapazes e 16 moças. 

O judoca curitibano Braian Alves da Cruz


Judoca desde os 10 anos, o peso ligeiro curitibano Braian Cruz tem 18 anos e iniciou a prática do judô com o professor Luis Henrique Brito por meio de um projeto dentro de sua escola. Depois de mudar para a Associação de Judô Iwashita, vem acumulando conquistas, como o bronze no campeonato brasileiro, além de ser o atual campeão paranaense sênior e dos Jogos da Juventude, dos Jogos Abertos, da seletiva paranaense sub 21 e tricampeão da Copa Paraná.

Antes de embarcar para a capital paulista, o peso ligeiro falou da emoção ao saber que havia sido aprovado para compor a turma que treina no Centro de Excelência Esportiva.

“Esse é um sonho que acalento há muito tempo, mas abrir mão de estar perto das pessoas que amo e da minha cidade aperta muito o coração. Estou indo pelo meu futuro por diversos motivos. Por exemplo, lá é obrigatório estudar e haverá treinos diários à tarde e à noite, sendo os de terça e quinta-feira junto à seleção brasileira. Vejo isso como uma evolução enorme, porque aqui eu treinava duas vezes por semana e lá vou treinar praticamente quatro vezes mais. Isso vai fazer com que eu cresça muito tecnicamente”, disse Braian.

O peso ligeiro mencionou o apoio recebido do seu atual professor, sensei Luiz Hisashi Iwashita, presidente da Federação Paranaense de Judô (FPrJ).

“Desde que iniciei na competição recebi o apoio de várias pessoas, mas principalmente do sensei Iwashita. Ele sempre me ajudou. Primeiro ofereceu uma bolsa integral para treinar em sua academia e depois, quando eu não tinha dinheiro para competir e viajar, ele sempre me apoiou. Serei eternamente grato a tudo que me proporcionou.”

Para o professor Iwashita, esta grande conquista de um atleta curitibano traz um sentimento de orgulho para toda a comunidade do judô paranaense. Ele relembrou outro judoca do Paraná que também passou pelo projeto e já conquistou dois pódios olímpicos. 

Braian faz randori com o campeão olímpico Aurélio Miguel em Curitiba


“O Projeto Futuro é um dos principais celeiros do judô do Brasil e grandes nomes passaram por lá. Um deles é o nosso Baby, que era federado na FPrJ e aos 15 anos mudou para São Paulo para treinar lá. Ele já conquistou dois bronzes olímpicos e atualmente figura na 9ª colocação no ranking olímpico da Federação Internacional de Judô (FIJ). Até hoje o Rafael Silva é um dos principais pesos pesados do mundo, e em São Paulo ele passou pelas mãos do professor Hatiro Ogawa, entre outros. Hoje, Baby defende o Esporte Clube Pinheiros e a seleção brasileira, e nos enche de orgulho.”

O dirigente explicou que a experiência de Brian no projeto poderá aprimorá-lo tecnicamente. “O Brian é um atleta muito bom e versátil. Em São Paulo, ele certamente vai desenvolver ainda mais o talento que possui. Além disso, uma experiência dessas em São Paulo fará com que ele cresça em todos os sentidos da vida. Desejo-lhe boa sorte e que tudo ocorra bem.”

Atualmente o Projeto Futuro é comandado pelos experientes professores Daniel Hernandez e Marco Antônio Inácio. O medalhista olímpico Henrique Guimarães é o coordenador técnico.

4 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page