top of page

Bruna Flores Bereza viaja para disputar etapa do Circuito Mundial na Alemanha

A promessa paranaense Bruna Flores Bereza, de 14 anos, viaja no dia 16 de março para a cidade de Bad Blankenburg, na Alemanha, para representar o Brasil em uma etapa de Circuito Mundial na categoria leve (-52kg) Sub 18.

Bruna, que é atleta do Judô Tonietto, de Curitiba, conquistou a vaga ficando com uma medalha de prata na Seletiva Nacional de Base Sub 18 e Sub 21, que foi organizada pela CBJ (Confederação Brasileira de Judô) em novembro de 2015 na cidade de Lauro de Freitas (BA).

Abaixo confira uma entrevista que a judoca cedeu, na última sexta-feira, dia 11 de março, para os jornalistas Danilo Georgete e Guilherme Dias do portal Conexão News.

Como começou a sua história no judô?

Bruna: Uma amiga minha me indicou o esporte, disse que era bem legal, que poderia viajar para vários lugares, conhecer bastante gente, aí eu acabei me interessando e entrando na mesma academia que ela fazia.

Por que você escolheu o judô e não outra arte marcial?

Bruna: Eu sempre gostei muito do judô como arte marcial. Entre todas as outras que já tinha visto e pesquisado, o judô sempre foi a que mais me interessou.

Como foi que você conseguiu a vaga na seleção brasileira?

Bruna: Primeiro eu passei por uma seletiva que se chama seletiva nacional de base, e nessa seletiva, se você conseguir ficar entre os 4 melhores, você já garante a vaga. Eu fiz todo o processo, foram nove lutas, e eu consegui ficar em 2° lugar.

É muito difícil para um judoca conseguir chegar à seleção?

Bruna: É difícil, muito, porque todas as meninas que estão lá, elas treinaram muito, então elas estavam no mesmo objetivo que eu, ou qualquer outra pessoa que vai para a seletiva. E eu fiz o meu melhor, me empenhei muito, treinei bastante pra isso, que era meu sonho, e acho que a maior motivação que você pode ter é acreditar no seu objetivo e batalhar por ele.

Você falou que treina bastante. Como é seu treino? Quantas vezes você treina por semana?

Bruna: Eu treino cinco dias por semana, sendo três vezes por dia. Eu faço um primeiro treino a tarde, de rendimento; o segundo entre a tarde e noite é mais técnico; e o último, da noite, é mais luta mesmo.

E como você lida com essa carga tão pesada de treino?

Bruna: Os treinos são bem pesados, para falar bem a verdade eu ainda não me acostumei com essa rotina de treinos, mas é bem puxado e eu gosto muito disso.

Qual sua expectativa para lutar na Alemanha e representar o Brasil?

Bruna: To com muito frio na barriga, a gente viaja dia 16, e até o dia 23 que vai a competição. Eu to muito ansiosa para o campeonato, mas se Deus quiser vai dar tudo certo.

Qual seu grande sonho no judô?

Bruna: Acho que meu grande sonho no judô é entrar pra seleção principal, conseguir disputar uma Olimpíada, ficar conhecida por todo mundo, esse é meu grande objetivo.

3 visualizações0 comentário
bottom of page